Três personagens femininas do cinema

Personagens femininas icônicas do cinema. São tantas que acabo tendo que fazer injustiças ao citar apenas três.

Blanche Dubois, de Uma Rua Chamada Pecado (1951)

A atriz Vivien Leigh vive a personagem Blanche Dubois, uma madura mas atraente mulher sulista que, embora se comporte como uma dama e mostre elegância com roupas e joias, esconde uma vida de amargura e desilusão. Uma mulher que foge da realidade do fracasso e da pobreza procurando seus pretendentes e alimentando seu vício em álcool. Uma grande interpretação.

Elisabeth Vogler, de Quando Duas Mulheres Pecam (1966)

Elisabeth Vogler surta em meio a uma apresentação e, catatônica, permanece isolada e em silêncio, sendo tratada pela enfermeira Alma, cuja personalidade se mostra doentia. A atriz Liv Ullmann, que interpretou Elisabeth, consegue ser introspectiva o bastante para depois demonstrar em reações exacerbadas todo o drama da personagem. Uma mulher vivendo um intenso conflito interno.

Eva Katchadourian, de Precisamos Falar Sobre o Kevin (2011)

Eva Katchadourian, interpretada pela atriz Tilda Swinton, era uma escritora de livros turísticos bem-sucedida, em um feliz casamento. Mas tudo muda com o nascimento do filho Kevin, uma criança agressiva que rejeita a mãe e a torna uma mulher infeliz e aterrorizada. A interpretação de Tilda é muito convincente a ponto de sofrermos ao ver a tristeza da personagem diante das situações.